sábado, 29 de janeiro de 2011

As Ovelhas Negras...


Assim era chamada a geração deslocada, tresloucada, que no mínimo não compactuava com o sistema e no máximo queria destituir todos os governantes e derrubar as estruturas postas... Talves alguns de nós nos sintamos assim, eu pelo menos, sendo aquele que não usa gravata nem sapatos, e que não ganha um salário fixo por mês... o que "tinha tudo pra dar certo" e resolveu sair no mundo sem avisar... Pensando bem... Não, não sou ovelha negra... sou OVELHA ARCO-ÍRIS!
Sob os olhos dos caretas somos as ovelhas negras do sistema, as sementes ruins, que ao brotarem nos corações, vão libertar todos os seres do medo e espalhar uma loucura sem fim pelo mundo... os caetanos, os gilbertos gis, os mutantes, as rita lees, os xul solares, os tom zés, os místicos andinos... somos tão ameaçadores quanto um abraço, tão perigosos como um nascer do sol! Somos a diversidade, as mil faces de Deus, coraçõeszinhos inocentes pulsando cheios de amor, com sede de liberdade.... 
LIBERDADE!
OVELHAS COLORIDAS DO MUNDO, 
LIBERTAI-VOS E UNI-VOS!
SONHEMOS OS SONHOS MAIS LOUCOS,
QUE NUNCA TIVEMOS CORAGEM DE CONTAR!
VIVA O SONHO E A SAGRADA LOUCURA!
VIVA O AMOR!

Om Guru Deva!