terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Ser uma gota...


queridos aguilares...
ser uma gota...
uma...
simplesmente... já é um começo lindo pra se chegar no mar... todos somos gotinhas do sangue de Pachamama, de suas águas... todos somos um pedacinho da mãe... uma gota é linda em sua formação, redondinha, rolando, fluindo, dissolvendo-se no rio da vida... aceitar que somos gotas, simples e transparentes nos ajuda a ir perdendo as máscaras, a ir tecendo os fios da vida em sensações novas, experimentos ricos em aprendizados... rodamos sim, como todos, mas sentindo firmes em nossas vidas que somos uma gotinha e que somos lindo sendo simples, bueno... já abre nosso coração a querer aprender mais, liberar mais as sujeirinhas e deixar a gotinha mais limpa...
amores, sintamos que área de nossa vida necessita de atenção, agora, e foquemos nesse sentir... e peçamos a grande mãe da vida que nos ajude, como gotinhas que somos, a ficar mais claros, mais limpos, o Natal está chegando, é tempo de abrir o coração a Cristo, mais e mais... e fazer valer o que somos, pequenas gotinhas amorosas fluindo livres e simples no rio encantador da vida...
e, sejamos mais... por que se unirmos nossas gotas umas as outras, teremos força suficiente para limpar mais e mais... por isso, nesse proximo natal, sugiro que no dia de natal, reservemos um tempo para nos conectar com todos os aguilares e de nossos corações irradiemos simplesmente amor, para que ele chegue onde deve chegar... nossas gotas unidas serão um riozinho a mais no plano de Deus... vamos enviar todo amor e amparo que recebemos neste ano de volta a nossa mãe divina, a nossos irmãos de senda, a nossos Maestros... e... um pedacinho de atenção para nossa alma...
amo vocês...
lud

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

saudades...



(a Baía Formosa)
Amores, esses dias estive fora... estava fazendo um curso, mas no lugar onde estava, não havia acesso a internet, só numa lan house tão lenta que mal abria o email... não consegui ler muita coisa... nem a operadora que uso dava linha lá... foi bom por um lado, um lugar lindo, desses esquecido pelo tempo e pelos homens, quase me sinto no ashram, não fossem os pequenos comércios... Além dos nativos de lá, as pessoas que escolheram o lugar pra viver, Baía Formosa, são buscadores, como nós, estão silenciando, buscando-se, procurando ser pessoas melhores, a maioria vive da arte ou de hortas... lá tem um lugar interessante, onde fazer vassouras de garrafas pet, e é um deleite conversar com qualquer um... sempre tem algo a ensinar...
Tem gente de todo canto, encontrei alguns gaúchos, curitibanos, alagoenses, e por aí vai, que se encantaram com o lugar e decidiram ficar...
Depois das 20h, tudo fecha... rsrsrsrrs... então a telepatia fluiu leve e as meditações da manhã e da noite eram mais que um presente, porque eu descia até a praia, a Baía, para as práticas... Foi interessante no sentido de que eu realmente pude perceber em meu íntimo, como é lindo estar no silêncio, fora da correria da cidade, o tempo simplesmente não passa... Tem-se tempo para tudo e quando vamos caminhando, mesmo sem conhecer as pessoas, paramos pra papear, sem medo nenhum, não tem assaltos, não tem violência... fiquei sonhando com os nossos ashrams... sonhando e irradiando...
Mas, ao mesmo tempo, senti muita falta desta interação na rede... e senti como é lindo nosso "jeito espiritual" de se mover também pela internet... Quando ontem consegui abrir os emails, nossa! Havia tanta coisa pra ler... e fico pensando nos que resistem a abrí-los, por isso deixo aqui esse pedido: Não resistam! Abram, leiam, fiquem por dentro do que está acontecendo na família... Escrevam contando como estão, senão na rede, para as comadres, os kuracas, os guias, as mamas... Sempre temos o que dizer, sempre! Sempre temos o que ouvir também... E, as vezes, estamos passando por processos, e um dos emails "casa" com nosso momento e sentimos, sentimos, que não estamos sós e rodeados de sincronicidades... O exercício telepático nos "treina" para que as sincronicidades entre nós e o externo/interno sejam mais sentidas, para que afinemos nosso canal receptor e emanador e possamos fazer nosso trabalho nos deixando cada vez mais a serviço do AMOR MAIOR e dos desígnios da Hierarquia. Ajudemos pois, aos Maestros, a nos ajudar e também procuremos estar limpos para receber a luz do alto, o amor da terra, e fluir com as ondas mágicas da vida...
Estejamos conectados, cuidemos de nós, destravemos os nossos nós, resistamos cada vez menos, vamos nos entregar amores, a alegria de viver em família!
"Viver é afinar o instrumento, de dentro pra fora, de fora pra dentro" (não lembro a música, rrsrsrsrs)
Quero agradecer profundamente a Comadre Rosarito por estar conduzindo com tanta leveza nossa lista... Gracias amor! E agradecer a todos os aguilares que mesmo não vendo por aqui sei que lêem os emails, e peço que todos os domingos façamos um esforço de estarmos juntos, até que esse esforço, essa disciplina se torne um grande prazer, um grande momento de AMOR!
Os amo,infinitamente...Matando a saudade!!!
Em devoção...
Comadrecita Lud
P.S: Aos que quiserem enviar textos com fotos, notícias, novidades, poesias, escrevam pro meu email pessoal que posto aqui e vai diretinho pro clã!